sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Mais um ano...

Passou um ano inteiro. Foram doze – intensos –meses. Foram tantas coisas. Vieram tantas outras. Doze meses vivos.
Passou o ano e com ele muitas dores que eu carregava comigo. 2010 se foi e deixei que levasse muitas das minhas ingenuidades.
Foi um ano de reencontros. E também de despedidas. Ano de vitórias espetaculares e de poucas solitárias derrotas.
Minha equipe e meu partido me orgulharam todos os dias, com a garra e dedicação que nos renderam nossa maior vitória eleitoral. O povo gaúcho continuou me respeitando e demonstrou isso antes e durante as eleições.
Minha família está toda com saúde e mais: crescemos! Isadora já nasceu e Beatriz está chegando... Minhas amigas maravilhosas estiveram comigo, lá no início, na casa amarela em que se ouviam os gritos de sonhos caseiros vendidos.
2010 foi um ano de grandes lições individuais. Ano especial para o resto da minha vida.
Que 2011 seja um ano com mais paz, mais saúde, mais amor, mais felicidade.
Que seja um FELIZ ANO NOVO, todos os dias, todos os meses!

2 comentários:

Fabiana disse...

Cortar o tempo

Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano,
foi um indivíduo genial.

Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez, com outro número e outra vontade de acreditar que daqui pra diante vai ser diferente.

Carlos Drummond de Andrade

SEZOSTRYS disse...

Prezada Camarada Manu,

Te desejo um 2011 cheio de realizações, pois você és merecedora.

Aproveito o ensejo pra lhe falar que sou um dos Dirigentes da Associação dos Torturados da Guerrilha do Araguaia, onde a nossa missão é cuidar dos camponeses que foram vitimas da truculência da Ditadura Militar durante a Guerrilha, e grande tem sido a nossa luta, que visa desde o reconhecimento dos mesmos como vitimas até a ANISTIA deles perante a Comissão de Anistia, o que já obtivemos êxito, quando 45 deles foram anistiados em Junho de 2009, mas logo em Setembro ainda de 2009, atendendo a um pedido do Deputado Federal Jair Bolsonaro - PP/RJ, a Justiça Federal do Rio de Janeiro suspendeu por força de medida LIMINAR, todos pagamentos dos camponeses, prologando mais ainda o sofrimento desse povo. Com isso esperamos encontrar apoio para que uma comissão de camponeses e desta entidade possa chegar ao Rio de Janeiro e ainda que seja logo no inicio do ano e esperamos que tanto você, quanto os demais parlamentares do partido possam contribuir conosco nesta caminhada,independente do Estado que venha o apoio, este será bem vindo e muito importante, ainda mais por se tratar de um assunto de relevância nacional, tendo ainda a recente condenação do Brasil na OEA sobre as mortes no Araguaia, o que nos dá mais força e abre caminhos pra continuarmos lutando.

Fico portanto no aguardo de vossa manifestação:

visita nosso blog:

www.camponesesdoaraguaia.blogspot.com

094-9195-7300 e/ou 094-9104-3241
Grato,

Sezostrys Alves da Costa

Diretor Tesoureiro da Associação dos Torturados da Guerrilha do Araguaia - ATGA.