terça-feira, 19 de março de 2013

Excessos

O que chamas de partes,
detalhes
é essência.
Essa sou eu.

Vês copo meio vazio.
Nunca meio cheio.

Não importa que estivesse exausta,
de pé,
arrumada,
sorrindo.
depois de cuidar de tudo.
Tatuaste a piada das malas.

Sou essa alegria que te irrita.
E te irritará saber que tu és parte dessa alegria também.

És outras lembranças
Não serás teu,
nem meu,
Nem nosso.

Não consegui ser a próxima depois de mim.
irrito antes, durante e depois.
Sobro antes, durante e depois.
Falto antes, durante e depois.

A realidade chamou.
Acordei para a vida real.
É lá que vou calar,
colar os cacos de tudo que jogamos fora por me achares tão excessiva.


2 comentários:

Matheus YOGA disse...

Fiz o meu melhor...

Edu disse...

(manu disse)
O que chamas de partes,
detalhes
e essência.
Essa sou eu!

Que os anjos digam amém !