sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Salário

Ontem não foi um dia simples. Mas escrevo com a tranquilidade de quem fez a escolha pelo que esta mais próximo do correto.
Há muitos anos lutamos pela valorização do salário mínimo. O senador Paim sempre defendeu que p mínimo chegasse a U$ 100. Chegamos aos 300. Isso foi possível com a
Política implementada por Lula de valorização e recuperação do mínimo. Poucos sabem. Anualmente o reajuste é concedido com base na soma da inflação e o crescimento do PIB. Esse foi o caminho para chegarmos ao valor atual.
 O que a presidente Dilma fez? Mandou para o congresso o projeto que torna lei o acordo da política do salário mínimo. Ou seja, não depende mais da vontade do presidente. Esta escrito na lei. Essa foi uma das maiores vitorias recentes dos trabalhadores. Há muitos anos estava na pauta. A aprovação garante que novas pautas ganhem centralidade: jornada, salários iguais para mulheres. 
Mas Ontem tambem fomos votar o valor do reajuste. O que aconteceu? 2009 foi um ano de crise econômica mundial. PIB foi zero. Aumento menor. 
Não era o que o PCdoB queria. O que propusemos? Antecipar parte do aumento do próximo ano. O
Governo não aceitou, apresentou dezenas de razões económicas. Nós temos nossas duvidas. Mas nossa bancada inteira decidiu que o certo seria votar com nosso. Governo. Tínhamos duas opções: dar um
Voto de confiança na Presidente que foi eleita com nosso voto e em sua equipe ou passar a acreditar que os DEM e PSDB se preocupam
Com os trabalhadores. Fizemos a escolha do projeto. Do todo. De confiar no governo do PROUNI, das escolas técnicas, da farmácia
Popular, universidades federais, 15 milhões de empregos. No governo da política nacional do salário mínimo. 
Não foi perfeito. Mas estou com a consciência tranqüila.    

6 comentários:

Pablo Berned disse...

Olá Manu! Será possível vermos a "direita" defender, como defendeu o mínimo de 560 e 600, o fim do fator previdenciário, uma reforma política popular e a redução da jornada de trabalho para 40h?

VIVIAN disse...

Oi Manuela !!!Meu nome é vivian sou de Porto Alegre e admiriro muito o seu trabalho na politica em favor da juventude!!!SOU SUA FÃ!!!e queria dizer que estou no sexto mês de gestação,o sobrenome do meu marido é D'Avila ai decidimos colocar o nome do bebe de Manuela D'Avila espero que o nome dela traga sorte e ela tenha sucesso eseja brilhante como vc!!!
viviantigrinha@hotmail.com

Anônimo disse...

Olá Manú, quando foi pra aumentar o seu salário vocês aprovaram 63%, agora o do pobre trabalhador voc~es ficam inventando desculpas para camuflar o atrelamento aos interesses Governistas, pensei que tinha votado em uma deputada comprometida com as causas populares, mais parece que me enganei novamente !

Moro disse...

Concordo plenamente com sua posição, Deputada.
Os 8 anos de governo Lula colocaram o Brasil no caminho certo e ainda há muito por se fazer.
Mas não podemos cair no discurso demagogo da direita e de grande parte da imprensa (PIG) conservadora e manipuladora.

Força Sempre!

Gerson Moro

JASPEX disse...

Não tenha receio de defender sua opção, ela foi legítima. Siga em frente, sempre, e se um dia alguma decisão partidária ferir tua consciência, rompa com tudo e defenda aquilo que acredita. Saudações!

Irlan Farias disse...

Não tenha receio de defender sua opção, ela foi legítima. Siga em frente, sempre, e se um dia alguma decisão partidária ferir tua consciência, rompa com tudo e defenda aquilo que acredita. Saudações!