sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Encontros com Porto Alegre

Hoje, gravando imagens para o programa de televisão de nossa campanha, percebi que tive alguns "encontros" especiais com Porto Alegre.

Foi especial quando fui eleita vereadora. Me recordo bem a primeira vez que entrei na Câmara depois de eleita. E lembro do dia da posse. Meu deus! Quanta responsabilidade senti naquele dia. Vivi anos felizes no exercício desse mandato. Amava trabalhar ao lado do Guaíba, ter a rotina de sair para debater com estudantes e professoras em escolas, presidir a comissão de educacao.

Depois, quando fui para Brasília, como deputada federal, vivi uma nova descoberta de minha cidade. A falta de Porto Alegre me enlouquecia nos primeiros meses. A falta daquilo que não está no concreto. As pessoas, as esquinas, o tapete de flores, o clima. Talvez ali tenha percebido o quão forte são os laços que me unem a minha cidade.

Agora concorro pela segunda vez a prefeitura dessa cidade. E me sinto cada vez mais misturada a ela. Quanto mais a conheço, mais me envolvo. Quanto mais caminho, mais a amo. Quanto mais instável o clima, mais Porto Alegre é Porto Alegre.

Essa sensação de pertencer, de sermos, de nos vermos... Isso é o que chamamos de identidade. Amo.

2 comentários:

Retas de vistas disse...

Desculpe-me , Manuela, mas é que quase perdi a hora debatendo em vários blogs sobre a diferença entre privatizar e conceder. Assim, deixei passar o momento.Mas não importa: FELIZ ANIVERSÁRIO , FUTURA PREFEITA DE PORTO ALEGRE"

Retas de vistas disse...

Desculpe-me , Manuela, mas é que perdi a hora debatendo em vários blogs a propósito da diferença entre conceder e privatizar. Mas não importa: FELIZ ANIVERSÁRIO, FUTURA PREFEITA DE PORTO ALEGRE! O seu presente "virá, virá que eu vi", trazido pelas mãos desse querido povo gaúcho, de quem também descendo ( eu tomo mate, e sei fazer churrasco,e torço para o Brasil de Pelotas, desde criança).Assim, seja a sua eleição, aqui citada como de um vidente, o meu presente de aniversário para você. Boa noite, Manuela!