sábado, 3 de janeiro de 2009

Emanuel, por onde andas?


Um amigo parou de deixar recados. Acho que sumiu. Se andar por aqui (viu só? Pegadinha para descobrir...) leia o Tigre Branco, um romance indiano. Sabe por que? O personagem principal faz o tempo inteiro "Ha!". Na escrita, se parece com o teu Ra!
Senti saudade!

3 comentários:

Emi disse...

Manu,

2008 foi um ano cheio de surpresas e vc foi a maior delas.

Sempre lembro do seu bolso carregado de mãos infantis, do café na caneca,de mel (a labradora que adorava as gravações), das reuniões... E fico orgulhosa por ter vivido esses momentos.

Amiga te desejo um 2009 cheio de vida.

Muito obrigada por ser de verdade.

Beijos, Emi

Manu disse...

Emi,
faz isso não bichinha...
fez eu chorar.
muita saudade,
muitos encontros em 2009.
beijos, beijos

Emanuel Gomes de Mattos disse...

Ora, Manu, estou sempre presente e atento. Na verdade, tenho achado tão boa essa tua atitude de postar todo o dia que virei macaco de auditório. Me fizeste pensar muito no teu post "Um ano de muita luz". Até ia comentar algo a respeito, mas como no post anterior - RÁ! - prometeste "Quando voltar contarei desses dias...Lugar lindo". (com aquele instigante título "Já, já conto", mas deixaste esse teu fiel leitor chupando o dedo até hoje.
Vendetta: não comento mais até o post prometido... "Lugar lindo". E não vale contar da Madonna, que essa já se enfurnou com um modelo brasileiro, espertinha que é.
Agora sério: pára com isso, Manu. Tu sabes que eu te leio todo o dia, sem falta. Quanto ao meu blog - deves ter sentido que não postei nada esse ano (meno male que usei aquela foto do abraço no teu aniversário pra finalizar 2008). É de propósito. Ando reflexivo, à espera de que algo me motive à boa luta da vida. E muito saudoso de um café contigo. Pode ser até um pretinho básico. O que vale é a companhia.
Beijão, querida.
Saudade.