sábado, 20 de outubro de 2012

-

Existem silêncios que gritam em minha cabeça.
Silêncios que fazem nossos monstros gritarem.

4 comentários:

Diogo Zanata disse...

É verdade, todos nós temos demônios internos, que em determinadas circunstâncias da nossa vida começam a se manisfestar e talvez nunca irão nos deixar em paz. O desiafio é aprender a conviver com essas coisas dentro da nossa cabeça.

ATREVIDA À FLOR DA PELE - Nathalia Leão Garcia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ATREVIDA À FLOR DA PELE - Nathalia Leão Garcia disse...

Manuela, bom dia!
Hoje descobri o seu blog e que encantamento me causou!
É muito bom ver você se mostrar tão humana e se expondo aos olhares com coragem e integridade! Parabéns pela iniciativa assim conhecemos um pouco da menina mulher que sustenta a fera da política que briga pela justiça e liberdade de nosso povo!
Também escrevo e mando pra você uma das minhas poesias !
Beijo!
Nathalia Leão Garcia

VERSOS AVESSOS

Meus versos são explícitos,
Exalam o amor que sinto com intensidade,
Gritam por socorro e choram de saudade!
Meus versos não pedem licença,
Arrombam portas,
Desabam os portais
Desconstroem as barreiras
E os muros reais.


Nathalia Leão Garcia

ATREVIDA À FLOR DA PELE - Nathalia Leão Garcia disse...


Manuela, bom dia!
Hoje descobri o seu blog e que encantamento me causou!
É muito bom ver você se mostrar tão humana e se expondo aos olhares com coragem e integridade! Parabéns pela iniciativa assim conhecemos um pouco da menina mulher que sustenta a fera da política que briga pela justiça e liberdade de nosso povo!
Também escrevo e mando pra você uma das minhas poesias !
Beijo!
Nathalia Leão Garcia

VERSOS AVESSOS

Meus versos são explícitos,
Exalam o amor que sinto com intensidade,
Gritam por socorro e choram de saudade!
Meus versos não pedem licença,
Arrombam portas,
Desabam os portais
Desconstroem as barreiras
E os muros reais.


Nathalia Leão Garcia